Tudo o que eu preciso eu encontro em mim!

domingo, 18 de abril de 2010

Até quando?

Não é que eu não seja feliz, jamais!
Eu só estou um pouco insatisfeita...
Sentindo falta de uma coisa que eu tenho? Como assim? (...) Também não sei, mas sinto.
E até sei... que:
Continuo dormindo e acordando sozinha, mesmo que eu tenha vivido e vivendo noites lindas;
Continuo saindo com família e encontrando os amigos aos domingos, mesmo sabendo que tenho namorado;
Continuo esperando uma ligação pra me sentir segura, mesmo tendo a certeza de que você pensa em mim;
Continuo indo e voltando sozinha do trabalho, mesmo que tenha quem me leve;
Continuo indo por um caminho que eu sei que é mais longo, mesmo sabendo chegar ao mais perto;
Continuo fazendo planos impossivéis, mesmo sabendo como realizar os simples;
Continuo evitando uma mensagem, mesmo sabendo que se usar minhas palavras vou conseguir te tocar;
Continuo indo às festas á procura de algo, mesmo sabendo que não é lá o lugar mais correto para encontrar;
Continuo fazendo promessas que não vou cumprir;
Continuo esperando que "alguém" tome a atitude que eu desejo, mesmo sabendo muito bem como fazer para almejar;
Continuo esperando você me ligar, mesmo sabendo o seu número discar;
Continuo questionando, não aceitando e empurrando com a barriga, mesmo sabendo como chutar;
Continuo te olhando de lado, mesmo sabendo que o melhor é mesmo te encarar;
Continuo esperando tu chegar, mesmo sabendo como te apressar;
Continuo esperando as coisas mudarem, mesmo sabendo que o melhor é me adaptar;
Continuo despejando minha angústia toda aqui, ao invés de agir;
Continuo deixando o tempo passar, mesmo sabendo que ele não vai voltar...
Até quando?

Nenhum comentário: