Tudo o que eu preciso eu encontro em mim!

sábado, 21 de agosto de 2010

Reviravolta.

Nada mais se encaixa aqui. Passei um tempo sem escrever. Porque eu não tinha o que dizer, eu não tinha mais certeza de mim, nem de você. Eu não estava encontrando os sentimentos. Não sabia eu ainda, que eles já tinham se perdido. Me poupei e poupei você de ler e reler cenas,histórias repetitivas. Um ciclo de lágrimas, momentos felizes, sorrisos de esperança e constante medo. Medo de perder, medo de ir embora... Mas o que fez eu me afastar daqui foi o medo de não querer mais voltar. E quando eu disse que nada mais se encaixa aqui, na verdade eu quis dizer em mim. Eu não sei onde foram parar os sentimentos que eu gritava de tão fortes, a certeza tão concreta, um amor que superava tudo. O que sinto hoje e agora é pena! Pena de mim, de você, da gente... Ontem eu chorei, mas eu chorei porque EU NÃO TE AMO MAIS... E a culpa não é sua de forma alguma. E talvez você nem saiba... Não é mais em você que eu penso quando acordo, eu não tenho mais planos contigo. Eu não tenho nem vontade de escrever pra ti... o que quer que seja. A carta de aniversário que você ganhou só existiu porque eu já tinha feito há algum tempo. Caso contrário, só estaria um clichê de felicidades. Não existe mais amor seu em mim. Mas só de outro alguém. E foi tudo tão rápido... Eu prometi te amar pra sempre, eu sei. Mas aqui estou eu, vacilando contigo, pra então perceber que tu não fostes o único! Eu também sou falha... Eu também sou gente... Eu também me apaixonei novamente!

Nenhum comentário: